lang
 
Search
A A A
Estou em:   Notícias > Notícias - Sinpefesp
  |  Entrar

Detalhes


Aumenta abismo entre emprego formal e informal

Untitled Document
Aumenta abismo entre
emprego formal e informal
 

Pesquisa do IBGE informa: no 4º trimestre de 2017 a média de rendimento mensal do trabalhador com carteira assinada era de R$ 2.090,00. Já o dos empregados sem carteira assinada era de R$ 1.179,00.Ou seja, quem executa suas funções na informalidade, recebe 44% a menos que o profissional formal.

E mais: quem não tem carteira assinada (algo mais em extinção do que mico-leão-dourado) tem fortes obstáculos, como ausência de férias proporcionais, 13º salário, FGTS e aposentadoria.

Vale ressaltar que no mesmo trimestre do ano anterior, a distância entre o valor pago (já descontada a inflação) era menor, de 40,5% ou R$ 818,00.

Para nós, do Sinpefesp, trabalho sem carteira é ilegal, imoral e está longe de engordar. Trabalhador que embarca nessa, pega ocupações mais precárias e menos qualificadas.

De 2014 e 2017, o país perdeu, em função da crise econômica, cerca de 3 milhões de postos de trabalho com carteira assinada. Com isso, aumentou o número de trabalhadores contratados na informalidade, por conta própria.

Números não mentem. E eles são oficiais.


José Antonio Martins Fernandes
Presidente do Sinpefesp e da FEPEFI


Escrito por: caz.sinpefesp
Postado: 28/02/2018
Número de Visitas: 219

Return